Alemão para debochados 5: falsos cognatos

Fotografia: Mara B.

Pois é, não pensem que vou ficar aqui ralando sozinha não; azar o de vocês, agora todo mundo vai ter que aprender alemão junto comigo. Já tem uma série aqui para quem perdeu a matéria da Tia Lígia.

Na aula de hoje, veremos os falsos cognatos em português, ou seja, aquelas palavras que parecem, mas não são…

***

ALT: Não tem nada a ver com alto ou altura; Alte significa velho ou antigo. Para pessoa idosa, eles são muito mais elegantes que nós; usam Senior (homem) e Seniorin (mulher). Muito melhor, né?

NENNEN: Essa palavra é um verbo, que significa nomear. Bem diferente do que você pensou, né?

RAT: Não, não é aquele bichinho não. Rat é conselho. Eu como consultora, sou uma Beraterin.

FOLGEN: É o que segue, o que se sucede. Aliás, sucesso é Erfolg. Deve ser quando você já pode tirar folga, né?

VORMITTAG: Não precisa sair correndo para o banheiro; vormittag significa antes do almoço, só isso…

ZEH: Olha só, esse é o nome que eles dão para o dedão do pé! Pena que a pronúncia é diferente: tzêêê.

ABSOLVENT: É o nome que se dá à pessoa que está terminando um curso; os Absolventen são os formandos, aqueles que depois vão ficar Sempre Livre…ehehehe

AFFE: Affe é macaco, aquele bicho que deixa a gente cansado, affe… e tem mais: AFFIN é a macaca!

BODEN: Não é aquele animal chifrudo não; Boden é chão, piso.

BRILLE: Nome glamouroso que eles dão para…óculos!

BROT: Não é broto não, é pão.

ALM: Não adianta rezar, Alm não tem nada a ver com alma. A palavra significa pastagem.

ARZT: É médico, não artista (artista é Künstler). Se bem que alguns são as duas coisas…

AUGE: Não, não é quando a pessoa chega no topo. Auge é olho.

BALD: Logo, em breve (o balde vai encher…será?).

BAU: Nada a ver com o nosso baú. Bau é construção, edifício.

DOM: Não é aquilo que Deus te deu. Dom é catedral.

HAI: Hai, Hai, Hai, lá vem o tubarão!

MÜDE: Quando a pessoa fica cansada, fatigada, acaba ficando calada mesmo…

SOLL: É débito, aquilo que você está devendo.

TRAUM: Nada a ver com trauma; é sonho!

Tem mais um monte; inclusive falsos cognatos em inglês. E estudem que semana que vem tem prova, heim?

4 Responses

  1. 12 junho 2012 at 7:48 pm

    Adorei a “aula da Tia Lígia”.
    Me diz uma coisa: a pronúncia das palavras segue a escrita ou as vogais têm outro som em Alemão?
    É verdade que o “v” tem som de “f” ?
    (desculpe meu TOTAL analfabetismo com a língua de Vettel e Schumacher)

    • ligiafascioni
      ligiafascioni
      Responder
      13 junho 2012 at 2:41 pm

      Oi, Ênio!
      Mas por que desculpas? Eu estou saindo do analfabetismo agora, praticamente na segunda série do primário…ahahahah

      Sim, o V tem som de F (lembra que no começo eu ficava chamando a minha operadora de celular de Fodafone?). O CH às vezes tem som de X, às vezes tem som de RR e às vezes um outro som que não sei explicar aqui, porque a gente não tem.

      O S sempre tem som de Z, mesmo no início da palavra. O Ä tem som de É e o Z tem som de TZ. O L tem que ser pronunciando como L mesmo, não como U, como a gente faz em português; se não falar direito, eles não entendem mesmo.

      E tem ainda o ß, que tem som de SS e encomprida a vogal que antecede (ex: Straße pronuncia-se XTRRAAAAASSE).

      Por último, o único fonema que estou tendo problemas ainda: o H no início tem som de RR, mas o R também tem um som parecido. Então, quando falo REISEN (viajar) as pessoas entendem HEIZEN (aquecer). Ainda não descobri o jeitinho de diferenciar um do outro…rsrsrsr… enfim…

      Mas a pronúncia é a parte mais simples dessa bagaça, viu?

      Beijocas 🙂

  2. Clotilde*Fascioni
    Responder
    13 junho 2012 at 2:17 pm

    Sim senhora, semana que vem, como boa aluna, lhe trago uma maçã…

  3. Celia Miranda
    Responder
    28 fevereiro 2014 at 5:13 am

    Olá, é a segunda vez que entro no seu Blog, e em ambas minha manhã fica ameaçada! Pois, me pego rindo – você é realmente muito engraçada! e como também estou na árdua tarefa de aprender este idioma, mas morando em uma cidade muito pequena, parte dos meus estudos se dá aqui, virtualmente. Enfim, você consegue rir de situações que já me fizeram perder o sono, então tenho muito a aprender contigo!

    Um abraço,

    ( ah, você conhece o Blog queroaprenderalemão? É muito bom, um brasileiro, Fábio, que o escreve, já esclareceu muitas dúvidas, e acho que o lerei pra vida toda!

Leave A Reply

* All fields are required