Café dos gatos

É moda no mundo inteiro, mas nunca tinha entrado em um desses cafés onde os gatos também são funcionários do estabelecimento.

Fiquei sabendo da existência desse por conta de uma maneira típica de fazer propaganda em Berlin: uma bicicleta estacionada na rua, olha que fofa.

IMG_1690

A ideia é a seguinte: a pessoa constrói um café comum, bem caprichado e com coisas gostosas, mas com uma decoração temática. O Pee Pees é cheio de arranhadores e lugares para os fofos brincarem, além das estampas, tapetes, tudo de gatinhos. Os anfitriões lá são o Caruso e o Pelle, adotados de um lar de animais abandonados e fazem o trabalho direitinho. O café tem vários lugares onde eles podem se esconder, se quiserem, mas os moços curtem interagir com os clientes.

O lugar tem um monte de regras que garantem o conforto dos fofinhos: não se pode alimentá-los, não é permitido tirar fotos com flash, não pode perturbar o sono quando eles estiverem dormindo, não pode puxar o rabo, não pode fumar, entre outras coisas. Isso já garante uma pré-seleção importante: só frequenta o lugar quem ama e respeita bichos. Crianças têm que ser acompanhadas de adultos que se responsabilizem pelo comportamento delas. Enfim, os bichanos não estão lá para servir de brinquedo, mas para ser amados.

Quando a gente chegou, o Caruso estava dormindo, mas logo se animou e até subiu na nossa mesa para inspecionar se a comida estava boa (sim, estava ótima!). O Pelle se encantou com uma senhora na mesa vizinha e chegou a passear pelos ombros da dama. Mais fofos, impossível.

A porta de vidro fica sempre fechada e tem também uma cerca de madeira para dificultar fugas; o que facilita é que não é um café muito grande, mas um lugarzinho charmoso que mais parece a sala de uma casa. A presença dos gatinhos facilita o posicionamento da marca; sem eles, esse seria um café como outro qualquer no meio de uma cidade cheia deles, que a gente jamais teria conhecido.

Taí uma ótima ideia para os protetores e animais no Brasil; fazer um lugar onde as pessoas possam conviver com os bichos sem estressá-los e ainda ganhar dinheiro com isso, o que é bom para todo mundo. O Pee Pees também vende produtos e tem um painel para os peludinhos que precisam de um lar.

Pra que mais?

Olha que lagartinho mais charmoso...
Olha que lugarzinho mais charmoso…

 

IMG_3334
Estampas fofas estão por todo lugar 🙂

 

IMG_3336
Olha que delícia!

Continue lendo “Café dos gatos”

Isabel de Castela

Essa gatinha linda foi encontrada sozinha na rua; ainda bem que uma voluntária da ONG SOS-animal-Mallorca recolheu a pequena e cuidou dela. A gente a adotou e ela está em casa há três dias fazendo companhia para a nossa princesa Charlotte (que também foi adotada).

Tchau, Heitor!

Hoje o dia amanheceu mais triste. Minha mãe, que está cuidando dos nossos gatinhos no Brasil, escreveu para avisar que o Heitor teve uma crise aguda nos rins, que pararam de funcionar, e ele veio a falecer. Já estávamos nos correspondendo há dias por conta do comportamento dele, que quase não comia mais e ficava muito quietinho.