Vendo o que os outros não vêem

Dois policiais estão presos num engarrafamento. Estão de boa, pois é só a ronda rotineira. Eis que um deles olha para o lado e começa a admirar uma BMW caríssima. O motorista está fumando e, de repente, simplesmente joga as cinzas no banco do passageiro.

Que absurdo, um dos policiais pensa. Um carro caro desses! Aí começa a pensar: quem faria uma absurdidade dessas? Não o dono, que teve que comprá-lo. Não o amigo que pegou o carro emprestado. Somente alguém que não tenha nenhum tipo de contato com o proprietário, tipo, um ladrão, faria uma coisa dessas. Num estalo, o policial ligou a sirene, acionou o suporte e, de fato, o carro era mesmo roubado. Uma observação à toa gerou um insight que fez toda a diferença no trabalho do policial.

Pois o psicólogo cognitivo Gary Klein tem passado a vida profissional observando como as pessoas tomam decisões e tem um carinho especial por insights. 

Continue reading “Vendo o que os outros não vêem”

Rework

Olha, confesso que me irrito bastante quando leio clichês do mundo empresarial, tipo pessoas pregando loucamente que é preciso repensar o mindset, que as empresas precisam ser disruptivas e escalar para crescer exponencialmente. Será que ninguém reparou que se todo mundo crescer exponencialmente a coisa explode, uma vez que os recursos são limitados? Que, aliás, […]