5 coisas para ver em Wroclaw

Nunca visitei uma cidade com tantos nomes diferentes: em polonês é Wrocław (com esse “l”cortado ao meio), em alemão é Breslau, em húngaro é Boroszló, em latim é Vratislavia e mais quantas variações se queira em diferentes idiomas. Isso acontece por causa de sua história: datada do ano 1000, a cidade pertenceu primeiro à Polônia (990 ao século XIV), depois ao Reino da Boêmia (hoje República Tcheca), depois à Áustria (1526 a 1741), mais tarde à Prússia (em 1871, o rei da Prússia fundou o Império Alemão, e a região passou a pertencer à Alemanha). Desde 1945, Wrocław é uma cidade polonesa.

Enquanto fazia parte da Alemanha, a cidade passou por um rápido desenvolvimento, passando de 90 mil para 500 mil habitantes em algumas décadas. A Universidade de Wrocław, fundada em 1702, teve 11 Prêmios Nobel entre seus professores e alunos, a maioria alemães. No final da Guerra, a cidade, totalmente destruída, tinha 190 mil alemães e 17 mil poloneses; os alemães foram todos deportados e a situação ficou bem tensa. Só depois da queda da União Soviética (e do Muro de Berlim) é que as relações ficaram mais tranquilas e a cidade se recuperou econômica e socialmente.

Hoje, Wrocław é conhecida como a Veneza da Polônia por causa de suas 12 ilhas fluviais e 130 pontes. E olha só que impressionante: dos 640 mil habitantes, 22% são estudantes universitários.

Essa jóia de belezura inesperada tem algumas curiosidades, olha que interessantes esses lugares!

1.Centro histórico (Rynek)

Essa é uma das maiores concentrações de prédios coloridos, históricos, de arquitetura diversa e bem conservados que já vi. Considerando que tudo foi destruído na guerra, o esforço de restauração é admirável. Acredito que tanto capricho tem a ver com o fato da cidade ter sido Capital Cultural da Europa no ano passado e daqui a 20 dias a cidade vai se tornar a sede dos Jogos Mundiais. Algumas ruas depois da principal praça, pode-se ver a quantidade de teatros, óperas e casas de concerto (contei 17!).

A imagem mostra uma rua larga com um casario colorido em ambos os lados. O céu está bem azul.
A praça central parece um cenário de novela de época.
A imagem mostra uma visão panorâmica do casario de um pátio interno. As casas têm telhados triangulares e são pintadas de cores quentes.
Os pátios centrais entre os prédios também não decepcionam.
A imagem mostra pessoas caminhando em uma rua para pedestres; no canto direito, um vaso de flores.
Há flores por todos os lugares.

Continue lendo “5 coisas para ver em Wroclaw”