Escrevendo o futuro

Pena que cada vez menos pessoas estão usando lápis para escrever; já li até artigos de escolas onde os alunos do primário sequer começam a aprender a arte da escrita manual, pois os educadores acham desnecessário, uma vez que hoje em dia a pessoa só precisa saber digitar (discordo, mas não sou educadora… então fica só um gosto ruim de que se está perdendo muita coisa boa nesse deslumbre tecnológico).

Pois é, pois uma das soluções que estudantes do MIT encontraram para trazer de volta o apelo da escrita à lápis foi aliar esse icônico instrumento ao conceito de sustentabilidade (esse sim, super na moda). A sempre antenada e generosa Sabrina Mix foi quem mandou a dica: numa das pontas do lápis tem uma cápsula com sementinhas dentro, onde normalmente fica a borracha.

Então a criança (ou o adulto nostálgico) usa o lápis até ficar só um toquinho com a cápsula. Aí é só espetá-lo num vaso, regar e esperar a colheita. Tem sementinha de manjericão, tomate, berinjela, pimenta verde, calêndula, coentro, menta, endro, salsa e tomilho. Ainda não está à venda, mas o produto se chama Sprout e você pode saber mais aqui.

Não é genial? Eles têm até um slogan; esse é  “o lápis que quer ser planta quando crescer“. Como o lápis é feito de madeira, isto é, já foi planta um dia, esse é um conceito que fecha o ciclo de vida do produto em grande estilo.

Sinceramente? Não sei se as crianças vão curtir, mas conheço um montão de adultos (eu inclusa) que vão ficar babando pela novidade 🙂

 

manysprout

sprouthand

sproutwater

sproutgrow

 

3 Responses

  1. Avatar
    1 agosto 2013 at 12:22 pm

    Que bom que gostou da dica, Ligia!

    Eu adorei o conceito.

    Beijos e sucesso!!!

  2. Avatar
    24 agosto 2013 at 9:35 pm

    Oi Lígia,

    Achei seu blog procurando artigos sobre eco-design. Adorei este artigo. Que idéia maravilhosa!. Seria tão bom se todas as empresas assumissem esse papel responsável com a natureza, não achas?
    enquanto ao desuso do lápis, aho que isso não vai rolar não. Por mais acesso que tenhamos a tecnologia, devemos estar preparados pra tudo, inclusive pra lugares onde ela ainda nao se estabeleceu ou um blackout, seja o que for que nao nos de acesso a ela. criancas que nao sabem usar um lápis correm os risco de serem adultos em apuros ( rs)

    abrçs

    • ligiafascioni
      ligiafascioni
      Responder
      25 agosto 2013 at 4:55 am

      Ahahahah… concordo plenamente com você, Gabriela!

      Obrigada pela visita e volte sempre 🙂

Leave A Reply

* All fields are required