Inhotim

Reza a lenda que a fazenda era de um gringo chamado Tim, eis porque o lugar agora se chama Nhô Tim, ou melhor, Instituto Inhotim.

Imagine uma fazenda mineira. Agora imagine que alguém com muuuuuuiiiito dinheiro comprou o lugar; transformou-o num jardim botânico com cinco lagos ornamentais e mais de 1200 espécies de palmeiras do mundo todo. Não contente com a obra, o sujeito ainda instala várias galerias de arte contemporânea totalmente integradas à paisagem, cujo acervo reúne mais de 500 obras de artistas de renome internacional espalhadas nos jardins e nas construções. Isso é o que virou Inhotim. Chega a arrepiar.

Coisa linda quando uma pessoa que tem muito dinheiro sabe gastá-lo bem. Desde os bebedouros públicos até os banheiros das galerias, passando pelo mobiliário da lanchonete, nada foi economizado. Até carrinhos elétricos estão disponíveis para quem tem dificuldade de andar. Há monitores em todos os lugares, muitíssimo bem treinados, educados e informados. Todos jovens nativos de uma cidadezinha próxima que carrega o singelo nome de Brumadinho.

Gente, o Brasil ainda tem jeito.

Posso dizer que vale a viagem, seja de onde for, só para visitar esse lugar. Difícil acreditar que isso existe aqui no país do jeitinho e da malandragem.

A visita começou às duas da tarde, com um almoço delicioso no restaurante local. Preços justos, lugar fantástico, louça Vista Alegre e guardanapos de linho. Garçons eficientes como há muito não vejo e atendimento impecável. Nem vou comentar a vista… vejam por vocês mesmos.

Dá para explorar várias composições
Olha o mobiliário da lanchonete: mesas tulipa e cadeiras trevo. Lá é tudo assim, design na veia
Onde eles arrumam flores tão lindas?
Paisagismo bem feito constroi paisagens assim
Espelhos esféricos são divertidos
Dá para explorar várias composições
Adorei essa instalação de bolas espelhadas
Patinhos funcionários do lugar
Essa instalação colorida é linda
Obras de arte com o espaço que elas precisam
Quando a arquitetura e a botânica se completam
Essa espécie parece um leque de renda
Essas palmeiras devem ter vindo de longe
Esse é o caminho da entrada

É tudo lindo assim e bem limpinho porque você pode sentar, ler, descansar, mas não pode fazer churrasco ou piquenique. Perfeito.

Visitar um lugar assim faz até bem para a alma…

9 Respostas

  1. 2 maio 2010 at 8:50 pm

    Eu estava torcendo para que você conseguisse fazer esse passeio!
    Beijo,
    Renata

  2. Fernanda Martins
    Responder
    2 maio 2010 at 10:21 pm

    que demais! Eu ainda não conheço, esta na minha lista!
    Que visão e realização, não?
    Uma única observação, o proprietário não gastou este dinheiro todo, e sim captou via renúncia fiscal, a Lei Rouanet. é importante que isto seja transparente pois a mensagem que passam é um pouquinho equivocada!

    Beijos, Fernanda

  3. Daniel
    Responder
    3 maio 2010 at 1:48 pm

    Sensacional!

    Tem só um errinho no link do texto (http://www.inhotim.org.br/).

    Abraços!

    Lígia Fascioni: Tinha mesmo, já corrigi. Obrigada, Daniel!

  4. Clô♥
    Responder
    3 maio 2010 at 2:55 pm

    Belíssimo passeio, ai que inveja…♥

  5. 3 maio 2010 at 3:42 pm

    Oi Ligia ! Inhotim é um sonho !
    Só acho uma pena que esse lugar tão maravilhoso
    seja desconhecido para a maioria das pessoas.
    Penso que um pouco mais de divulgação seria
    legal.
    Beijos.
    Vera

  6. 5 maio 2010 at 10:38 am

    Que bom que gostou! Inhotim é um dos nossos orgulhos!

  7. Cecília
    Responder
    8 maio 2010 at 3:37 pm

    Lígia,

    fizemos vários roteiros parecidos nos últimos tempos… Manaus, Patagonia, Inhotim… Fomos para lá no ano passado com um amigo nosso que vive em BH. É um lugar incrível, primeiro mundo total ! Nem paramos no restaurante para comer para poder visitar o maior número de instalações em um dia. Claro que não conseguimos. Muito interessante a instalação de bolas espelhadas; ainda não estava quando visitamos Inhotim.
    Se quiser dar uma passada no blog que temos sobre o Brasil, com informações para turistas estrangeiros, esse é o link para Inhotim: http://blog.deviajeabrasil.com/2009/10/19/inhotim-conjuncion-perfecta-de-arte-y-naturaleza/
    Abraços, Cecília

  8. 1 novembro 2011 at 4:48 pm

    Realmente esse lugar é fantástico. De cair o queixo mesmo.
    Eu fui pra lá em setembro deste ano e também achei que merecia um post especial só para falar de Inhotim e apresentá-lo para muita gente que ainda não conhece.
    Também concordo em gênero, número e grau que é uma das poucas coisas aqui no Brasil onde o dinheiro foi muito bem aplicado. O Sr. Bernardo Paz está de parabéns!
    Que muitos outros empresários sigam o exemplo ao invez de ficar comprando Iates né rs!

    Depois olha o meu post. Tá bem bonitão também 🙂
    http://magelstudio.com.br/2011/10/30/voce-precisa-conhecer-inhotim/

    Um abraço,
    Marco

Deixe um comentário

* Todos os campos são necessários