Limpando os sete mares

Nossa, eu já vi campanhas bacanas pela sustentabilidade do planeta, mas a Electrolux superou muita gente boa. Olha só o que eles fizeram: recolheram, com a ajuda de ONGs, lixo plástico de várias partes do mundo que estavam depositados no oceano. Depois, picaram esse monte de restos e usaram como matéria prima para construir os aspiradores de pó mais lindos que já vi. Cada um é diferente do outro, claro, e a edição é limitada.

Eles querem mostrar que plástico não é necessariamente uma coisa ruim; ele é péssimo somente quando está no lugar errado (como no mar, por exemplo). Esse povo conseguiu fazer o lixo virar luxo. Amei!

vac1 vac2

vac4 vac5

Se outras empresas aproveitarem a ideia e fizerem carros, móveis, geladeiras, computadores e outras coisas usando a mesma matéria-prima, num instantinho os oceanos ficam livres do malfadado plástico. Além disso, o mundo fica mais lindo e colorido. Parece que nem tudo está perdido…

Quer saber mais sobre esse projeto? Clique aqui. Fiquei sabendo pela newsletter do Yanko Design, mas também já tinha visto aqui.

3 Responses

  1. Avatar
    2 novembro 2010 at 10:58 pm

    Nossa, Lígia, que demais esse projeto!! Acho que eu faria faxina feliz com um aspirador desses… rs…

    Bacana essa ideia de desmistificar a conotação de “vilão” que andam imputando ao plástico ultimamente. Afinal, como diz o Peter Burke, “lixo é simplesmente material no lugar errado”, né?

    Beijos!
    😉

  2. Avatar
    14 janeiro 2011 at 8:16 am

    Percebo que sustentabilidade e ecodesign têm uma falha.
    Mas onde?
    No super faturamento que chega o valor desses produtos na venda.
    Por um lado tem todo valor criativo do idealizador da idéia, por outro lado, a falha é em como ele vai ter giro de venda desse produto pelo preço que geralmente se coloca, ou seja, por um preço barato terá mais vendas, automaticamente tiraria mais lixo do mundo e transformá-los em novos e belos produtos. (isso é sustentabilidade e ecodesign)
    Portanto na maioria dos casos, sustentabilidade e ecodesign deve influenciar também no valor final do produto que deve ser um valor de giro rápido no mercado e não a exclusividade.
    Brilho é coisa de estrela, ser humano é pensar racionalmente para nosso próprio benefício.

  3. Avatar
    Giovanna
    Responder
    24 maio 2011 at 9:24 pm

    Nossa uau!!!!!!!

    Sera que com um aspirador normal(sem poeira dentro) da para decorar e vrar uma bolsa uma mala concertesa seria uma coisa bem legal vou tentar fazer
    Parece que minha irma nao vai encontrar o aspirador hoje.

Leave A Reply

* All fields are required