Não sobrou dinheiro

Uma das obras mais polêmicas dos últimos tempos em Floripa é o tal do kartódromo do Sapiens Park, que sedia o Desafio das Estrelas, evento anual de kart disputado por figurões da Fórmula 1. A questão é que já existia um kartódromo na Praia dos Ingleses onde a corrida acontecia, mas ficava perto de um conjunto habitacional não muito bonito para as visitas verem. Solução: construir outro novinho em um lugar mais fashion. A conta ficou oficialmente em R$ 3 milhões, mas, para quem tem recursos sobrando e nenhuma obra urgente para fazer, é dinheiro de pinga, né?

Pena que investiram tanto que não sobrou verba para contratar um designer para fazer o cartaz do evento (nem uma empresa de divulgação profissional, já que tirei a foto desse cartaz quando ele estava colado num muro na Trindade, no melhor estilo lambe-lambe).

Mas tudo bem, é o maior evento de kart do planeta. Como será que eles fazem nos outros planetas?

5 Responses

  1. Avatar
    27 novembro 2009 at 9:58 am

    hahaha, muito massa! trocadilho infeliz.

    é aquela coisa, para que gastar com designer e tal se meu sobrinho sabe usar o corel draw e meu primo tem uma gráfica expressa…pronto

  2. Avatar
    Erly Miranda
    Responder
    27 novembro 2009 at 10:00 am

    Vixe. Muito feio.

    Em outros planetas chamam um designer renomado,ou contratam uma agência, sempre tem dinheiro em caixa, já que se trata de um evento dessa dimensão…masss..chamaram o sobrinho de alguém que sabe ‘córeu dráu’ pra fazer, e deve ter cobrado uma nota pra sair isso ai.

    Trash.

  3. Avatar
    Cleide Coelho
    Responder
    27 novembro 2009 at 3:08 pm

    Só mais um caso de mau uso do dinheiro público…

  4. Avatar
    29 novembro 2009 at 12:31 pm

    ALAGOAS, MARANHÃO e SC possuem semelhanças políticas incríveis.
    O descalabro que vem ocorrendo aqui no estado é digno de nações de quinta, e SC não merece isso.

    Sugeriram rodízio no trânsito, por exemplo. Caso isso ocorra, e eu espero que não, será uma espécie de falência pública. A Ilha, rodeada de mar… Cadê o transporte hidroviário?

    Você joga o lixo no chão, e o lixo volta para dentro da sua casa. Você deixa de investir na educação, e o criminoso volta para dentro da sua casa.

    É triste, mas a gente não se cansa e vai a luta!

  5. Avatar
    1 dezembro 2009 at 8:27 am

    Detalhe: ainda ontem fiquei sabendo que mais de 30 BOs de carros arrombados no evento foram registrados… Imagine os que nem se deram ao trabalho de registrar pq sabem que nada acontece… E ainda assim, todo mundo só quer saber de vir pra Ilha que Já Era…

* All fields are required