Pelas ruas

Perambulando pela cidade achei um monte de coisas legais e interessantes. Só voltei de metrô porque os pés estavam destruídos de andar o dia todo.

O Würst é uma salsicha bem comprida que a gente segura com o pão. Delícia!
Essa foto, para mim, traduz a essência do modo berlinense de viver
Achei várias dessas motos andando pela rua. A vantagem é que, nesse modelo, a legislação daqui não exige capacete.
Olha se não é de cortar o coração... a exposição começa no dia em que a gente viaja (o Conrado tem um Congresso)

Festival mundial de sombrinhas (tem gente do mundo todo andando nessa chuvinha fina)
Festival mundial de sombrinhas (tem gente do mundo todo andando nessa chuvinha fina)

Pois é, o dia foi bem comprido e aqui já são quase 10 da noite (começou a escurecer). Amanhã tem mais, tá?

2 Responses

  1. Andrea
    Responder
    2 junho 2010 at 12:23 pm

    Oi, ai na Alemanha tambem escurece depois das 9h da noite? E estranho neh!? Aqui em Toronto so comeca a escurecer as 9h da noite e clareia as 5h da manha… estou estranhando muito.
    P.S: nesse teclado nao tem acento.
    Boa viagem!

  2. ligiafascioni
    ligiafascioni
    Responder
    2 janeiro 2012 at 6:44 pm

    Andréa, isso acontece porque esses países estão muito longe da linha do Equador. Quando mais perto dos polos, maior o desequilíbrio entre o dia e a noite. No verão, os dias são bem longos e no inverno, são curtíssimos. Você vai ver que no inverno, às 3 da tarde já vai estar escurecendo.
    Inclusive, na Finlândia, que fica lá perto do polo norte, o dia de verão dura 6 meses (quase não escurece) e a noite de inverno, mais seis meses (eles passam esse tempo todo praticamente no escuro).
    Dá uma revisada nas aulas de geografia que você vai entender melhor 🙂

Leave A Reply

* All fields are required