Sopinha de letras para amantes da tipografia

Hoje fiz uma coisa que estava na minha lista (que só faz crescer) há tempos: fui visitar o Buchstabenmuseum, ou, em bom português, o Museu das Letras. A ideia surgiu em 2005, quando duas apaixonadas por tipografia, Barbara Dechant e Anja Schulze, resolveram montar uma organização sem fins lucrativos para expor a incipiente coleção de letreiros e pesquisar mais sobre essa fascinante arte de escrever e sinalizar em letras grandes e tridimensionais. Em 2008 elas inauguraram o espaço, que já trocou de endereço duas vezes e agora está dentro de um shopping perto da Alexander Platz. As moças estão se organizando para conseguir um lugar maior e mostrar o acervo cada vez mais rico e variado.

O museu é pequeno, mas charmosíssimo. A variedade de cores, tamanhos, formatos e famílias tipográficas é de deixar designers totalmente descontrolados. Cada letra é catalogada caprichosamente; a ficha diz a que lugar pertencia, o endereço, o designer, a data, as dimensões, os materiais e tudo sobre aquele objeto de arte. Há desde letras da fachada de gigantes como a AEG, desenhadas e encomendadas por ninguém menos que Peter Behens até o letreiro de um cinema que fez parte do cenário do filme Bastardos Inglórios, filmado em Berlin em 2008.

Enfim, o que posso dizer é que meus olhinhos ficaram muito felizes com o presente. Como não sou egoísta, vou dividir com vocês também.

Deleitem-se…

Achou bacana? Então clique aqui e veja todas as fotos direto no Flickr.

3 Responses

  1. Clotilde♥Fascioni
    Responder
    25 maio 2012 at 8:02 pm

    Interessante…

  2. Pri-k
    Responder
    31 maio 2012 at 1:31 am

    Fala sério! Tem coisa que dispensa comentário.
    Mas bem que eu queria pra mim, aquele P verde com a coroa.

    😀

    • ligiafascioni
      ligiafascioni
      Responder
      31 maio 2012 at 3:48 pm

      Eu também queria…. 🙂

Leave A Reply

* All fields are required