Totally free!

Imagem: Ambient Media

Estou aqui lutando para não misturar inglês e alemão na cabeça, mas está difícil. Acho que só vou conseguir voltar a falar um inglês minimamente inteligível depois que o alemão estiver bem firme e eu conseguir separar as duas coisas automagicamente dentro do “célebro”.

Mas enquanto isso não acontece, continuo lendo em inglês para não esquecer e pegando umas dicas aqui e ali. Achei essa aqui ótima para quem quer relembrar umas regrinhas. Você faz uma assinatura grátis no Tecla SAP e recebe um e-mail por semana com alguma dica valiosa (é só clicar aqui). Na primeira mensagem você ainda recebe o e-bookPagando mico em inglês“.

Isso não é propaganda paga, é que achei o projeto bacana e resolvi dar uma força (bom para todo mundo). Recomendo!

5 Responses

  1. Gustavo
    Responder
    22 agosto 2012 at 6:08 pm

    e eu que estive em buenos aires 2 semanas atrás e conversando com um francês que mora no méxico, pratiquei meu inglês, mas naqueles momentos em que as palavras parecem não vir à cabeça tive que usar um portunhol mesmo hehehe (já que no hablo español, sempre estudei apenas inglês).

    Depois de conhecer algumas chicas latinas acho que vou começar a estudar o espanhol…o que um homem não faz por uma mulher, não? =D

    • ligiafascioni
      ligiafascioni
      Responder
      24 agosto 2012 at 1:23 pm

      Aahahahah… mas, como você pode ver, mulher só faz bem ao homem! Só assim vocês aprendem mais coisas….eheheheeh

  2. Alexandre
    Responder
    22 agosto 2012 at 6:29 pm

    Legal… estou aprendendo e isso vai me ajudar…

  3. tais tozatti
    Responder
    22 agosto 2012 at 11:17 pm

    Obrigada! Gosto muito do Merriam Webster, é um dicionário online super completo que data inclusive a primeira vez que a palavra foi “usada”, tem exercício para o cérebro (Lumosity) e muito mais.

    • ligiafascioni
      ligiafascioni
      Responder
      24 agosto 2012 at 1:22 pm

      Obrigada pela dica, Tais! Vou procurar; só conheço o Webster de papel (adoro aquele tijolão, mas não trouxe para cá).
      Beijocas 🙂

Leave A Reply

* All fields are required