Na estrada, de novo

Hoje voltamos para a estrada, agora rumo a Cafayate (130 km). Cruzamos a pré-cordilheira (3.000 m de altitude) e o caminho era lindo, todo sinuoso, com vistas de tirar o fôlego. A estrada estava bem ruim, mas como o movimento era pouco, dava para escolher cair nos buracos menores…eheheh… os poucos trechos de rípio eram melhores que os de asfalto.

Quando o asfalto melhorou, já no vale entre a pré e a Cordilheira, em Amaichá, a estrada ficou com vários “riozinhos” – deve ter chovido bastante. Perdemos a conta, mas eram certamente mais de uma dúzia. A travessia era divertida, mas a gente se molhava muito! O perigo era a lama que se formava, pois faz a moto escorregar. Conrado fez até um filminho de uma travessia (se a Internet colaborar, eu posto hoje ainda).

Abaixo: Saída hoje de manha de Los Cuartos. Vou sentir saudades do Tato…

ligia001

Abaixo: um dos inúmeros “riozinhos” da estrada.

ligia002

2 Responses

  1. Avatar
    Clô
    Responder
    27 dezembro 2008 at 1:57 pm

    Cuidado minha menina…♥♥♥♥

  2. Avatar
    29 dezembro 2008 at 12:09 am

    Ai que inveja, meu amigos,boa viagem

* All fields are required