moda + arte + literatura = yôga com estilo

Karl Schlarb é um sujeito interessante, além de muito simpático. A gente entra na loja-atelier dele, e logo o sorriso de boas-vindas se abre. Bom de papo, permite que a gente tire fotografias de suas criações mais que especiais, enquanto discorre sobre as características de cada uma.

Ele mesmo projeta e constrói os corpos elegantes (as pernas são de látex) que conseguem ficar em qualquer posição que se escolha (um desses está na lista da minha casa nova). Ele mesmo ri com as pernas trançadas de ponta cabeça da modelo e explica que seus bonecos fazem yôga avançada (e fazem mesmo..rsrs).

Os bonecos do Karl têm duas coisas muito especiais, além do corpo flexível: os rostos podem ser genéricos ou de escritores/filósofos famosos e as roupas trazem a marca de quem atuou profissionalmente no mundo fashion por muitos anos.

O moço estudou história da arte e design de moda. Trabalhou em grandes ateliers e, depois de muitos anos com ícones como Gucci e Prada, começou a achar tudo muito estressante e sem sentido. Foi aí que abriu uma livraria (literatura é sua outra paixão) e ficou alguns anos na companhia de seus autores prediletos.

Em 2010 teve a ideia de juntar seus três grandes amores: a literatura, a arte e a moda. Agora ele constroi seus bonecos exclusivos, com figurinos para lá de criativos e, nas coleções especiais, usa personagens famosos da literatura, filosofia, música e artes.

No alla hopp, a pessoa se sente em casa; mais um pouco e a gente senta, toma um chá com biscoitos e passa a tarde conversando. Fui levar o queridíssimo Renato Fuzz, que está em Berlim, para conhecer a Bergmann Straße e os arredores (que amo!) e passamos por lá.

Sabe o que mais gostei? Ele me contou tudo isso em alemão e eu entendi. Agora só faltam mais 32 anos e o idioma de Goethe estará sob meu inteiro domínio….rs

IMG_4276

IMG_4268

puppe.002

Continue reading “moda + arte + literatura = yôga com estilo”

Combinações inusitadas

Às vezes é interessante para a empresa expandir seus negócios para áreas afins, com o mesmo público de interesse. Pode-se fazer uma extensão de marca ou apenas oferecer produtos/serviços complementares de um parceiro. Enfim, há muitas possibilidades e quase sempre há uma estratégia bem bolada para ampliar a participação no mercado.